Sonhos



Nunca pare de sonhar
Richard Bach


Havia no alto de uma montanha três árvores. Elas sonhavam com o que iriam ser depois de grandes. A primeira, olhando as estrelas disse: eu quero ser o baú mais precioso do mundo e viver cheia de tesouros. A segunda, olhando um riacho suspirou: eu quero ser um navio bem grande para transportar reis e rainhas. A terceira olhou para o vale e disse: quero crescer e ficar aqui no alto da montanha; quero crescer tanto que as pessoas ao olharem para mim, levantem os olhos e pensem em Deus. Muitos anos se passaram, as árvores cresceram. Surgiram três lenhadores que, sem saber do sonho das árvores, cortaram as três. A primeira árvore acabou se transformando num cocho de animais, coberto de feno. A segunda virou um barco de pesca transportando pessoas e peixes todos os dias. A terceira foi cortada em vigas e deixada num depósito. Desiludidas as três árvores lamentaram os seus destinos. Mas, numa certa noite, com o céu cheio de estrelas, uma jovem mulher colocou o seu bebê recém-nascido naquele cocho. De repente, a árvore percebeu que continha o maior tesouro do mundo. A segunda, certo dia, transportou um homem que acabou por dormir no barco. E, quando uma tempestade quase afundou o barco, o homem levantou-se e disse PAZ!! E, imediatamente, as águas se acalmaram. E a árvore transformada em barco entendeu que transportava o rei dos céus e da terra. Tempos mais tarde, numa Sexta-feira, a árvore espantou-se quando as vigas foram unidas em forma de cruz e um homem foi pregado nela. A árvore sentiu-se horrível vendo o sofrimento daquele homem. Mas logo entendeu que aquele homem salvou a humanidade e as pessoas logo se lembrariam de Deus ao olharem para a cruz. O exemplo das árvores é um sinal de que é preciso sonhar e ter fé. SEMPRE !!! Não importa o tamanho dos sonhos que você tenha, sonhe muito e sempre. Mesmo que seus sonhos não se realizem exatamente como você desejou, saiba que eles se concretizarão da maneira que Deus entendeu ser a melhor para você. "Uma nuvem não sabe por que se move em tal direção e em tal velocidade. Sente apenas um impulso que a conduz para esta ou aquela direção. Mas o céu sabe os motivos e os desenhos por trás de todas as nuvens, e você também saberá, quando se erguer o suficiente para ver além dos horizontes."




Eis os versos venezuelanos de Gabriela Mistral:

"Qualquer palavra de amor,
qualquer gesto de carinho,
faça ou diga, aqui e agora,
porque na vida nunca passamos duas vezes
pelo mesmo caminho".





Até mesmo uma pessoa que cultiva nobres ideais
 deve aprender a estar atenta para o que está acontecendo 
"aqui e agora" e diante dela.
Viva hoje,o ontem ja se foi e o amanha...é o sonho de hoje.
nanny

Um dia uma criança chegou diante de um pensador e perguntou-lhe: ”Que tamanho tem o universo?” Acariciando a cabeça da criança, ele olhou para o infinito e respondeu: ”O universo tem o tamanho do seu mundo.” Perturbada, ela novamente indagou: ”Que tamanho tem meu mundo?” O pensador respondeu: "Tem o tamanho dos seus sonhos. Se seus sonhos são pequenos, sua visão será pequena, suas metas serão limitadas, seus alvos serão diminutos, sua estrada será estreita, sua capacidade de suportar as tormentas será frágil. Os sonhos regam a existência com sentido. Se seus sonhos são frágeis, sua comida não terá sabor, suas primaveras não terão flores, suas manhãs não terão orvalho, sua emoção não terá romances. A presença dos sonhos transforma os miseráveis em reis, faz dos idosos,jovens, e a ausência deles transforma milionários em mendigos faz dos jovens idosos. Os sonhos trazem saúde para a emoção, equipam o frágil para ser autor da sua história, fazem os tímidos terem golpes de ousadia e os derrotados serem construtores de oportunidades. Sonhe!" -
 Augusto Cury

                      

Nunca Pare de Sonhar 

Gonzaguinha

Ontem um menino que brincava me falou 


 Hoje é semente do amanhã 

 Para não ter medo que este tempo vai passar 

 Não se desespere e nem pare de sonhar 

 Nunca se entregue, nasça sempre com as manhãs

 Deixe a luz do sol brilhar no céu do seu olhar

 Fé na vida, fé no homem, fé no que virá

 Nós podemos tudo, nós podemos mais

 Vamos lá fazer o que será



    Alguns sonhos vivem para sempre no tempo

    esses sonhos, que você quer com todas as

    seu coração
    e eu farei o que for preciso
    seguir com a promessa que fiz
    colocar tudo na linha
    o que eu esperava, finalmente seria meu
    se eu pudesse alcançar, mais alto
    apenas por um momento tocar o céu
    Deste único momento em minha vida.
    Eu vou ser mais forte
    Saiba que eu fiz o que pude
    Eu colocaria meu espírito a teste
    Se eu pudesse alcançar.
    alguns dias são feitos para serem
    lembrado
    aqueles dias que elevar-se acima
    as estrelas
    Então, você prosseguirá com a distância dessa vez
    vendo a mais altura eu me elevo
    que por mais que eu acredito
    tudo mais desse sonho será meu
    se eu pudesse alcançar, mais alto
    Se eu pudesse alcançar, mais alto
    Só por um instante tocar o céu
    Deste único momento em minha vida
    Eu vou ser mais forte
    Saiba que eu fiz o que pude
    Eu colocaria meu espírito a teste
    Se eu pudesse alcançar mais alto
    se eu pudesse alcançar, mais alto
    Só por um instante tocar o céu
    Deste único momento em minha vida
    Eu vou ser mais forte
    Eu vou ser muito mais forte.
    Se eu pudesse alcançar mais alto
    Se eu pudesse
    Se eu pudesse alcançar
    Alcançar, eu alcançaria, eu alcançaria então muito alto
    Eu vou ser mais forte
    Gloria Estefan
    Composição: Diane Warren / Gloria Estefan
      




Todos  os seres sonham !




         Sonhos
Cada ser é único

somos um agrupamento que forma algo maior,divino como as celulas formam orgãos,membros e o prório corpo transformamo-nos num todo com um proposito é certo...incerto porém é para alguns de nós...não devemos esquecer dos sonhos estejam estes sonhos no aqui ou no amanhã permanecerá latente em nós... realizar--se a é certo...pois a plenitude é o fim,somente alcançaremos tal plenitude concretizando os anseios, que permeiam nossas almas alcançaremos nossos sonhos...enfim,
Nadja Feitosa












                                           






Este beijo em tua fronte deponho!

Vou partir. E bem pode, quem parte,

francamente aqui vir confessar-te

que bastante razão tinhas, quando

comparaste meus dias a um sonho.

Se a esperança se vai, esvoaçando,
que me importa se é noite ou se é dia...
ente real ou visão fugidia?
De maneira qualquer fugiria.
O que vejo, o que sou e suponho
não é mais do que um sonho num sonho.

Fico em meio ao clamor, que se alteia

de uma praia, que a vaga tortura.

Minha mão grãos de areia segura

com bem força, que é de ouro essa areia.

São tão poucos! Mas, fogem-me, pelos

dedos, para a profunda água escura.
Os meus olhos se inundam de pranto.
Oh! meu Deus! E não posso retê-los,
se os aperto na mão, tanto e tanto?
Ah! meu Deus! E não posso salvar
um ao menos da fúria do mar?
O que vejo, o que sou e suponho
será apenas um sonho num sonho? 


Edgar Allan Poe
(1809-1849)


   Sonho  em uma noite terrena 
trava sobre a lua crescente 
Uma canção sem voz em uma luz eterna 

Canta na aurora  chamando lá 

Onde o coração move as pedras 

tudo por amor a você
Pintura pendura em uma parede de hera 
Aninhada no musgo esmeralda 


Onde profundo no crepúsculo deserto 

de areia se derrete em piscinas do céu 

 seu manto carmim 

suas lâmpadas vai chamar-te para casa

tudo por amor a você

O DOM DE SONHAR

esperança engana.
Mente o sonho.
Eu sei.

Que mentiras lindas
eu mesma inventei
e contei pra mim ...

Helena Kolody
in ‘Caixinha de Música




 Ser um Sonho

Quero ser parte de um sonho! cair sem sentido no teu abismo precioso misturar-me em essências difusas, em mil cores vividas... adoçar-me em peles alheias... enjoar-me de beijos. Quero ser parte de um sonho! construir uma história acabada... acariciar flores furiosas no teu corpo... aspirar teu último fôlego... ser uma labareda de fogo... derretendo açucares de amantes. Quero ser parte de um sonho! caminhar tuas colinas adormecidas... a nota musical escapada de tua boca... flutuar em universos candentes ser o magma e fogo sagrado... fundir-me em ti em noites sem brilho Quero ser parte de teu sonho...não despertar jamais...!
                                         Marcelo Romano 
Postar um comentário